Header Ads

test

Ipirá-BA: Prefeito “Malamanhado” publica contratos de festas mesmo com covid-19

O prefeito Marcelo Brandão (DEM), que tanto chamava opositores no poder de “malamanhado” por causa das condições do Centro de Abastecimento, Mercado de Artes e Casa do Estudante, em Salvador, e dizia que não faltava “dinheiro para nada” – (hoje falta?), não cansa de mostrar indiferença às questões prioritárias para o cidadão ipiraense.

Todos sabem o caos que é hoje a saúde pública (educação, infraestrutura, estradas) de Ipirá, na Bacia do Jacuípe a 210 km de Salvador, pois falta material para tudo na maior unidade local, o Hospital Municipal, segundo denuncia a oposição há quase 2 anos, como lençóis, cobertores, esparadrapo, sabão, luvas e até a alimentação era ruim, assim como a merenda escolar de má qualidade na maioria das escolas, e até mesmo unidades que não recebiam, mas o prefeito que tem hoje o título de “Pior da História do Camisão”, não para de mostrar indiferença.

No último dia 8/04, o Diário Oficial do Município publicou contratos entre a Prefeitura e os empresários Luiz Américo de Cerqueira ME (Microempresa) no valor total de R$ 50 mil (cinquenta mil reais) para a Cavalgada da Paz na Nova Brasília, e com Anjos Produções Eireli ME (Microempresa) no valor de R$ 40 mil (quarenta mil reais).

No total a quantia dos contratos (página do DOM abaixo) chega a R$ 90 mil (noventa mil reais).

Todos os contratos foram firmados sem “exigibilidade”, ou seja, sem concorrência pública pela experiência dos parceiros da Prefeitura de Ipirá, ou seja, não houve disputa para menor preço nem mesmo com artistas e bandas ipiraenses.

A festas ocorreram nos meses de fevereiro.

Imagens:

Fonte: Tudo News

Nenhum comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Rede Boquira News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. A Rede poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. A responsabilidade é do autor da mensagem.