Header Ads

test

Após Criticar Quarentena, Twitter, Instagram E Facebook Apagam Vídeos Do Pastor Silas Malafaia

O Twitter apagou sete publicações da conta do pastor Silas Malafaia na noite desta última quinta (2/4). No lugar das publicações, feitas durante a tarde, aparece a mensagem: “Este tweet não está mais disponível”.

Pastor presidente da Igreja Assembleia de Deus – Vitória em Cristo, Malafaia postou um vídeo onde afirmou que os brasileiros estão sendo enganados por uma “quarentena de araque” e tenta provar que o confinamento em combate ao coronavírus é uma “farsa”. Como consequência do seu ato, poucas horas depois, o vídeo que tinha como título “Está provado! A farsa da quarentena no Brasil. Bolsonaro está certo” foi apagado do Instagram, Twitter e Facebook do religioso. O conteúdo só permaneceu no YouTube.

“Lei de licitação está liberada, dívidas estão liberadas. Não precisa pagar! Tem um jogo por baixo. Aumentou a audiência da TV. Aumentou o número de assinatura de jornais. Tem um jogo por debaixo, gente. Não vai ter catástrofe no Brasil e pode dizer aí, pode anotar aí: primeiro, temos que agradecer a Deus; segundo, a própria estrutura orgânica do brasileiro é diferente da turma da Europa e da América; a questão do clima que estamos vivendo aqui”, dizia Malafaia no vídeo.

Em meio à pandemia do novo coronavírus, algumas redes sociais, como o Twitter, por exemplo, atualizaram suas políticas e passaram a excluir conteúdos que possam aumentar o risco de contágio da população com o novo coronavírus. Além desta publicação, outras sete postagens do pastor já foram retiradas do ar. Fonte: Central de Notícias.

Nenhum comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Rede Boquira News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. A Rede poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. A responsabilidade é do autor da mensagem.