Header Ads

test

Caminhoneiros protestam e prometem greve na quarta; Confira na Rede!

Motoristas cruzaram os braços no Porto de Santos

Caminhoneiros protestaram nesta segunda-feira (17) no Porto de Santos e prometem uma greve nacional da categoria para daqui a dois dias. Não há previsão do bloqueio de estradas para dar visibilidade às reivindicações.

Os motoristas iniciaram o ato na cidade litorânea ainda durante a madrugada, mas não chegaram a impedir ao longo do dia a entrada e saída de cargas da instalação, a maior da América do Sul.

A manifestação, organizada pelo Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos de Carga em Geral de Santos, aconteceu apesar de uma medida cautelar que proibiu o bloqueio dos acessos ao porto entre 17 e 21 de fevereiro, que seria punido com multa diária de R$ 200 mil.



Paralelamente, a Associação Brasileira dos Condutores de Veículos Automotores (Abrava) prevê cruzar os braços para pressionar o Supremo Tribunal Federal (STF), que adiou uma sessão que avaliaria a constitucionalidade do estabelecimento do frete mínimo.

A medida foi uma das principais reivindicações dos caminhoneiros durante a greve de 2018, que paralisou o país por cerca de 11 dias, com um forte impacto na distribuição de produtos básicos e em toda a economia.


O presidente da Abrava, Walace Landim, disse à Agência Efe que a categoria prevê realizar uma paralisação pacífica, sem que haja comprometimento ao tráfego, mas advertiu que se a lei do frete mínimo for derrubada, a ideia é voltar a bloquear rodovias.

Os temores sobre uma nova greve voltaram já no começo do ano passado, nos primeiros dias do governo de Jair Bolsonaro, que decidiu anunciar uma série de medidas, inclusive vetando o preço do diesel.



Além disso, entre as medidas estavam créditos de R$ 500 milhões, para ajudar na manutenção de caminhões, além de investimento de R$ 2 bilhões na melhoria das rodovias em pior estado.

*Com informações da agência EFE


Curta a nossa página abaixo e compartilhe em suas redes sociais para que outras pessoas também leiam e conheçam o nosso trabalho. Obrigado!

Nenhum comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Rede Boquira News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. A Rede poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. A responsabilidade é do autor da mensagem.