É CAMPEÃO! Gabigol decide, marca duas vezes e leva o Flamengo ao seu segundo título de Libertadores - RB NEWS

Publicar anúncio superior

É CAMPEÃO! Gabigol decide, marca duas vezes e leva o Flamengo ao seu segundo título de Libertadores

Share This
Flamengo e River Plate fizeram neste sábado (23) a final da Libertadores da América. O Rubro-Negro voltou a estar na decisão depois de 38 anos e, como em 1981, conseguiu erguer o título da maior competição das Américas. A equipe carioca lutou até o fim e virou para cima do River, por 2 a 1, com dois gols marcados por Gabigol, emplacando a sua segunda Libertadores.




O JOGO


O Flamengo iniciou a partida partindo para cima do River, tentando se manter com a posse de bola para criar as jogadas de perigo e sair na frente na grande decisão.~

Entretanto, depois de falha na comunicação da defesa do Fla, quem saiu na frente foi a equipe de Buenos Aires, aos 14 minutos de jogo. Nacho Fernández cruzou fraco para área, Gerson e Willian Arão não se entenderam, e a bola sobrou limpa para Borré finalizar rasteiro e colocar o River em vantagem.


Envolvido completamente na forte marcação dos argentinos, o Rubro-Negro terminou o primeiro tempo sem assustar uma só vez o gol defendido por Armani. O River Plate, por sua vez, fazia o seu jogo, imprimindo uma alta intensidade sem a bola e sempre buscando demorar na reposição.

O Flamengo voltou diferente para a etapa complementar, ainda que com dificuldades para se livrar da marcação argentina. Prova disso é que aos 11 minutos, a equipe comandada por Jorge Jesus teve a sua melhor chance para deixar tudo igual na decisão.


Bruno Henrique partiu em velocidade e invadiu a área do River, cruzando rasteiro para a chegada de Arrascaeta. O uruguaio furou, e a bola sobrou para Gabigol, que chutou em cima da zaga adversária, deixando à feição para Everton Ribeiro. O camisa 7, no entanto, finalizou mal e facilitou a defesa de Armani, bem posicionado.


Mas quem disse que não teria luta até o fim? O Flamengo mostrou que a raça é a sua identidade e, com o brilho de Gabigol, chegou à virada nos minutos finais.

O atacante marcou o primeiro aos 46 minutos, depois de jogadaça de Bruno Henrique e decidiu novamente aos 46, ao soltar uma bomba na marca do pênalti para vencer o goleiro Armani.


Essa publicação tem como fonte original:Coluna Do Fl



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Rede Boquira News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. A Rede poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. A responsabilidade é do autor da mensagem.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();

Publicar anúncio inferior

Páginas